Polícia prende homem que atirou em outro para cobrar dívida em Joaçaba

A Polícia Civil, por meio do Setor de Investigação Criminal (SIC) da Delegacia da Comarca de Joaçaba, prendeu preventivamente nesta quarta-feira, 24, um homem de 54 anos, natural de São Paulo/SP, o qual fez disparos de arma de fogo contra um comerciante de Joaçaba para cobrar uma dívida. A prisão aconteceu na cidade de Chapecó.

Segundo a polícia, no dia 18 de junho o autor esteve em Joaçaba com o fim de cobrar uma dívida do empresário local e após ter realizado uma conversa ou tentado receber uma parte do valor total, R$ 6 mil, efetuou dois disparos de arma de fogo no interior da empresa. A Polícia Militar, naquela ocasião, recolheu duas cápsulas deflagradas.

“No caso havia um contrato firmado entre os comerciantes e mesmo assim o acordo não foi cumprido, houve ameaças e o resultado dessa cobrança gerou insegurança na comunidade. A pistola utilizada pelo autor foi localizada, apreendida e será encaminhada ao IGP/SC para os necessários exames periciais”, destacou em nota a Policia Civil.

“Há regras redigidas nas leis desse país, que descrevem a forma como as cobranças devem ser feitas. Renegociações podem ser feitas (ex. concessão de mais prazo para pagar, abatimentos podem ser concedidos, etc. Aconselhamos que as pessoas não façam justiça com as próprias mãos (essa conduta é prevista como crime no código penal), pois assim agindo perderão a razão, uma vez que inicialmente estavam corretos, mas depois, apesar de não deixarem sua condição de credor, responderão a um procedimento criminal que tramitará perante o Poder Judiciário” Conclui a nota.

O detido, após ter sido interrogado, foi encaminhado ao presídio de Joaçaba.

 

Fonte: Polícia Civil de Joaçaba/ Eder Luiz

MAIS NOTÍCIAS
COMENTÁRIOS
Carregando...
×