BAIXAR APP's

Programa ALI do Sebrae transforma a vida de um casal em Curitibanos

O Programa Agentes Locais de Inovação (ALI) atua no fomento do sucesso dos pequenos negócios, urbanos ou rurais. O trabalho desenvolve o estímulo à educação empreendedora, e também o potencial econômico, a partir da inovação tecnológica, avançando no processo do produto e dos serviços. A atuação é voltada aos produtores rurais, pequenas agroindústrias e empresas da cadeia de valor do agronegócio, entre outros campos. Os resultados alcançados têm sido surpreendentes.

É o caso do casal Beatriz Gomes (30) e Gean Zanghelini (31), de Curitibanos. Os dois atuam no segmento rural, e foram assistidos pelos Agentes Locais de Inovação (ALI). Ambos são engenheiros agrônomos, e optaram em produzir frutas pelo sistema orgânico, criando um diferencial nos produtos. A primeira experiência foi com a uva, e em seguida o morango. Porém, o mercado se abriu para outras demandas como o mirtilo, amora e hortaliças. A comercialização é feita por intermédio da Coper Planalto Sul, também de forma direta com o consumidor final. Em breve vão ingressar numa cooperativa ligada aos fruticultores. “Nós sempre estamos envolvidos num processo coletivo. Sabemos da importância de um trabalho em grupo”, especificou Beatriz.

Com a chegada da Agente Jumara Ternus, a propriedade passou a ser analisada como um negócio. Foram observados os pontos fracos e fortes, e estabelecido um processo gerencial. Uma marca foi criada (Casa Bea Orgânicos), e a partir da identificação, os produtos passaram a ter um rótulo e com embalagens. O resultado transformou o negócio. Segundo Beatriz, a aceitação dos clientes foi muito boa e hoje o crescimento é notório. Há projetos para a produção de sucos e geleias. “Somos muito gratos pela parceria e o subsídio do Sebrae, e literalmente estamos colhendo bons frutos, após termos participado do programa ALI”, finaliza.

Últimas Notícias