BAIXAR APP's

Prefeito de Ponte Alta do Norte é preso na operação Limpeza Urbana

O Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO) deflagrou na manhã desta sexta-feira (26), a Operação Limpeza Urbana. O objetivo é desarticular condutas ilícitas ocorridas no âmbito da Administração Pública de Ponte Alta do Norte. O prefeito Ari Wolinger (PL) foi preso.

A investigação, realizada pela Subprocuradoria-Geral de Justiça para Assuntos Jurídicos do Ministério Público de Santa Catarina, pelo GAECO e pelo Grupo Especial Anticorrupção (GEAC), apura os crimes de associação criminosa, corrupção passiva e concussão, orquestrados e supostamente praticados por agentes políticos e particulares no município.

As investigações apuram a notícia de que pessoas interessadas em prestar serviço de limpeza urbana no município eram direcionadas pelos agentes públicos investigados para que contratassem escritórios de contabilidade previamente determinados, impondo-se a contrapartida ilícita de pagamento de 10% dos valores que eles percebiam do município, pagos a título de vantagem indevida mensal. Essa conduta faria com que parte do dinheiro pago pelo município aos contratados para limpar a cidade voltasse para os próprios agentes púbicos investigados, ocasionando enriquecimento ilícito, que se aproxima do valor de R$ 100 mil.

A nossa equipe de jornalismo tentou contato com a Prefeitura de Ponte Alta do Norte, mas até a finalização desta matéria, nenhum contato havia respondido.

A operação conta com a participação de cinco Promotores de Justiça, 20 policiais e 10 viaturas. Após o cumprimento dos mandados, os presos serão apresentados para a realização de audiência de custódia. A investigação segue em sigilo.

Últimas Notícias