Vai fazer o ENEM? Confira dicas de quem passou com nota 1000

56

Pedro Assaad é estudante do primeiro ano de Medicina na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e, sem dúvidas, a redação do Enem do ano passado foi um importante passo para que ele conquistasse essa vaga. Pedro esteve entre os 55 candidatos que obtiveram nota mil na redação do Enem 2018, que teve como tema “Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”. 

Seu texto foi parar até na cartilha com orientações para a redação deste ano, entre as sete redações escolhidas para serem comentadas por especialistas do Inep. Se você está pensando que o Pedro provavelmente era um prodígio da redação e sempre foi um aluno nota mil neste quesito… bom, pode estar um pouco enganado.

O estudante contou ao GUIA que redação nunca foi seu ponto forte e que começou a se aperfeiçoar nela apenas em 2018, quando decidiu prestar Medicina. Mas como alguém que não se dava tão bem assim com as palavras de repente virou exemplo da cartilha de redação do Inep? Conversamos com Pedro e reunimos algumas dicas a longo prazo e outras mais apressadinhas para quem fará a prova no próximo dia 3. Quem sabe ainda não dá tempo de conquistar a tão sonhada nota mil na redação?

Ao longo do ano passado, Pedro escrevia cerca de duas redações no formato dissertativo por mês. Um mês antes da prova, resolveu acelerar um pouco e escreveu 10 redações! Ou seja, se você não teve uma produção tão regrada assim em 2019, ainda dá tempo de colocar a dica em prática e produzir ao menos algumas nestes dias que restam.

Atenção ao formato

Mais do que ter todos os possíveis temas de redação na ponta da língua, Pedro destaca que é importante estar atento ao formato de texto pedido no Enem, o dissertativo-argumentativo. Afinal, seguindo o passo a passo de cada uma das competências exigidas, dificilmente o candidato terá uma nota ruim. Já publicamos aqui no GUIA alguns textos sobre como obter boas notas em cada uma das competências, não deixe de conferir!

Repertório

Construir repertório não é saber sobre todos os temas e muito menos apenas ler livros e jornais. Pelo menos é o que concluiu Pedro depois de seu ano de preparação. Ter o que ele chama de “repertório de mundo” também é importante. Filmes, documentários e até vídeos do YouTube podem ajudar a colocar um pouco de suas experiências pessoais de um jeito original na prova.

Se é difícil para você, é difícil para todos!

Esse Enem é importante, mas não vai definir o restante da sua vida. Essa é a dica final de Pedro para quem deseja fazer uma boa prova. Não encare a redação do Enem como algo negativo e um sacrifício, mas tranquilamente e sem colocar muita pressão sob esse momento. Comece com essa atitude positiva desde o momento em que abrir a prova: se você se assustou com o tema da redação e o considera difícil, provavelmente a maior parte dos inscritos estão na mesma situação que você. Foque no que já ouviu sobre o assunto, faça o melhor uso possível das informações de apoio e lembre-se do que o corretor espera ao corrigir uma dissertação. A nota mil virá como resultado!

Fonte: msn.com.br

MAIS NOTÍCIAS
COMENTÁRIOS
Carregando...
×

Olá!

Peça sua música agora mesmo pelo WhatsApp!

×