Milagre em alto mar: menino autista não sabia nadar e foi encontrado boiando a 3 mil metros da costa em Itapema

Uma das primeiras palavras do menino foi pedir um “gole de refrigerante”

Sem saber nadar, o caso do menino autista, que foi encontrado por um marinheiro boiando em alto mar, durante a manhã de quarta-feira (08/04), em Itapema, é tratado pelos familiares do garoto como um verdadeiro milagre. Thiago Bordes de Moraes, de 14 anos, foi resgatado a 3 mil metros da costa. O destino do adolescente era chegar até Balneário Camboriú.

 

Conforme a família, o que se sabe até o momento, é que ele fez parte do trajeto pelas pedras.
Então, resolveu se jogar no mar, para então, conseguir prosseguir com a ‘missão’. Ainda não é possível afirmar quanto tempo Thiago ficou na água.
Ao ser encontrado, pela lancha que passava no local, o homem, que até então não teve identidade revelada, retirou o adolescente do mar e acionou as autoridades.

 

Bombeiros foram acionados para realizar o resgate de Thiago, já no Canto da Praia. Ele apresentava hipotermia e foi encaminhado ao Hospital Santo Antônio.
Uma das primeiras palavras é que o menino pediu um “gole de refrigerante”.
Thiago estava desaparecido desde a última segunda-feira (05/04). Polícia Civil, Bombeiros, família e comunidade se uniram para encontrar o garoto.

 

Fonte / Visor Notícias
Via: Grupo Notícias SC Curitibanos
MAIS NOTÍCIAS
COMENTÁRIOS
Carregando...
×