FRAIBURGO – Nesta quarentena, o cuidado com a dengue deve ser redobrado

Com o foco mantido no enfrentamento ao coronavírus, muitas pessoas tem esquecido que também precisamos combater o Aedes aegypti, mosquito transmissor da Chikungunya, Zika, Febre amarela e a dengue, doenças que assim como a COVID-19, também pode matar.

A situação ainda é mais complicada quando grande parte da região oeste de Santa Catarina está enfrentando uma grande estiagem. Com a falta de chuva, algumas pessoas armazenam nas chamadas cisternas, e outros recipientes, a água que conseguiram acumular na última chuva.

No entanto se a medida não for adotada de forma responsável e correta, poderá favorecer ainda mais a proliferação do mosquito da dengue, aponta a enfermeira Karine Leôncio, responsável pelo programa de combate à dengue no município de Fraiburgo.

 

 

Karine lembra que qualquer objeto que acumule água pode ser tornar um criadouro do inseto, o ideal, segundo ela é aproveitar este momento de quarentena e fazer uma faxina no quintal de casa.

 

 * Não acumule água parada em vasos ou pneus na sua casa.

 

 

Fique atento como proceder diante de uma situação contrária as recomendações repassadas pela Karine !

 

Uma produção do departamento de jornalismo da Rádio Fraiburgo
Repórteres: Alan Moreira/ Genauro Stefanski/ Rodrigo Mattos/ Flávio Furtado

MAIS NOTÍCIAS
COMENTÁRIOS
Carregando...
×