--:--
--:--
  • cover
    Rádio Fraiburgo 95.1

BAIXAR APP's

De 34 municípios, 16 reduziram a população apontam dados do IBGE

De 34 municípios, 16 reduziram a população aponta dados do IBGE

O censo 2022 realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) encerrou em Santa Catarina em janeiro de 2023. Os dados referentes aos habitantes dos municípios catarinenses foram divulgados na sequência. Em um relatório divulgado pelo IBGE, dos 34 municípios das regiões do Meio Oeste, Vale do Rio do Peixe e Vale do Contestado, 18 aumentaram a população e as demais 16 contaram com reduções significativas, um deles de quase seis mil habitantes. A maior redução foi encontrada no município de Caçador, quando em 2021 a projeção da população era de 80.017 e em 2022 foram recenseados 74.105, uma diminuição de 5,9 mil habitantes.

Caçador, Capinzal, Catanduvas, Fraiburgo, Herval d’Oeste, Iomerê, Joaçaba, Lebon Regis, Monte Carlo, Pinheiro Preto, Ponte Alta do Norte, Ouro, Salto Veloso, Santa Cecília, Tangará e Timbó Grande, foram os demais municípios com queda na população nas regiões. Por outro lado, o IBGE constatou aumento nos municípios de Água Doce, Arroio Trinta, Calmon, Campos Novos, Curitibanos, Erval Velho, Frei Rogério, Ibiam, Ibicaré, Lacerdópolis, Luzerna, Macieira, Matos Costa, Rio das Antas, São Cristóvão do Sul, Treze Tílias, Vargem Bonita e Videira. Com isso, a região totaliza 458.831 habitantes, 11 mil a menos do que a projeção 2021 do instituto.

MUNICÍPIO PROJEÇÃO 2021 CENSO 2022
Água doce 2534 2600
Arroio Tinta 3574 3556
Caçador 80017 74105
Calmon 3325 3465
Campos Novos 36861 36976
Capinzal 23218 23184
Catanduvas 11106 10565
Curitibanos 40037 40289
Erval Velho 4423 4824
Fraiburgo 36723 33662
Frei Rogério 1918 2411
Herval d’Oeste 22820 21339
Ibiam 1952 2003
Ibicaré 3154 3267
Iomerê 2979 2865
Joaçaba 30684 29976
Lacerdópolis 2248 2256
Lebon Regis 12122 11553
Luzerna 5683 5760
Macieira 1757 1778
Matos Costa 2442 2762
Monte Carlo 9945 9131
Piheiro Preto 3635 3469
Ponte Alta do Norte 3426 3217
Ouro 7251 7025
Rio das Antas 6199 6221
Salto Veloso 4792 4416
Santa Cecília 17004 15247
São Cristóvão do Sul 5646 6092
Tangará 8648 8153
Timbó Grande 8003 7368
Treze Tílias 8138 8803
Vargem Bonita 4411 4572
Videira 54145 55921

No Brasil, o dado chama atenção por ser mais de sete milhões inferior à projeção feita pelo IBGE de quase 215 milhões de habitantes. O número menor já era esperado pelo IBGE, devido à pandemia, migração de brasileiros para o exterior e à gradativa redução no número de nascimento. O fato de a projeção estar 12 anos distante do último Censo e de não ter sido realizada uma contagem populacional prevista para 2015, também contribuem para a discrepância entre os números. Mas, após a publicação do dado, técnicos do IBGE afirmaram que o número pode estar subestimado e revelam que sua divulgação foi controversa dentro do próprio instituto.

O Censo 2022 já encerrou em Santa Catarina, mas continua em alguns estados do Brasil após seis meses de levantamento de dados. Um dos principais desafios para a conclusão do Censo 2022 é o número alto de recusas para responder ao questionário. No país, a taxa média chega a 2,43%, em dados atualizados no último dia de janeiro. Esse percentual é consideravelmente maior em localidades onde há maior concentração populacional. Em São Paulo, que lidera o ranking entre os estados, a taxa de recusas é de 4,49%, o que equivale a cerca de 720 mil domicílios em que o morador se recusou a prestar informações ao IBGE.

Imagem: Freepik – Benzoix | Banco de imagens gratuito

Últimas Notícias