--:--
--:--
  • cover
    Rádio Fraiburgo 95.1

BAIXAR APP's

Irani recebe o Troféu Transparência da ANEFAC pela terceira vez consecutiva

Pela terceira vez consecutiva, a Irani, uma das principais indústrias de papel e embalagens sustentáveis do Brasil, foi novamente reconhecida com o Troféu Transparência da ANEFAC – Associação Nacional de Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade, realizado há 25 anos e destacado como o Oscar da Contabilidade. O troféu coloca a Irani entre as 10 empresas com demonstrações financeiras mais transparentes do Brasil em 2023 na categoria Receita Líquida de até R$ 5 bilhões. A ANEFAC é uma das principais entidades no país a congregar executivos de finanças, economia, administração, contabilidade, governança corporativa, capital humano, tecnologia, tributos e outras. As empresas ganhadoras serão agraciadas em cerimônia em São Paulo, em 9 de novembro.

 

Diretor de Administração, Finanças e de Relações com Investidores da Irani Odivan Cargnin afirma que a Irani tem um compromisso com o desenvolvimento sustentável e a transparência nas relações, baseado em princípios éticos na tomada de decisões, considerando a geração de valor para todas as partes interessadas no negócio do papel e embalagens. “Isso está na base de tudo o que fazemos e nos inspira e impulsiona, a cada dia, na construção da empresa que queremos ser no futuro”, ressalta.

 

O Troféu Transparência ANEFAC segue os critérios de Comunicação Clara e Aberta, Divulgação de Informações Financeiras, Ética e Compliance, Tomada de Decisão Transparente, Experiência do Cliente, Divulgação de Conflito de Interesse, Responsabilidade Social e Ambiental, Tratamento de Dados e Privacidade, Governança Corporativa e Relações com o Mercado.

 

Sobre a Irani

 

Fundada em 1941, a Irani Papel e Embalagem é hoje uma das líderes do setor de embalagens sustentáveis no Brasil. Controlada desde 1994 pelo Grupo Habitasul, tradicional grupo empresarial da região Sul do país, produz papéis para embalagens, chapas e caixas de papelão ondulado, além de resinas naturais de pinus, breu e terebintina, assegurando o fornecimento de produtos de matéria-prima renovável com alta qualidade. Alinhada às boas práticas da economia circular, tem produção integrada às florestas próprias e utiliza energia autogerada. Conta com unidades produtivas localizadas em Vargem Bonita (SC), Santa Luzia (MG), Indaiatuba (SP) e Balneário Pinhal (RS), além de responder pela gestão de florestas em Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Com escritórios em Porto Alegre (RS) e Joaçaba (SC), tem em seus quadros mais de 2.300 colaboradores.

 

Foto – unidade da Irani em Campina da Alegria, Vargem Bonita.

Crédito – Divulgação

Últimas Notícias