Homem que matou ex-companheira em Caçador se entrega na Delegacia

O homem suspeito de matar a ex-companheira a tiros na madrugada se apresentou a Delegacia de Polícia Civil de Caçador na manhã desta segunda-feira (30), cerca de 12 horas após o crime. A fatalidade aconteceu por volta de 1h30, na rodovia Albino Felipe Potrich, no bairro Martello.
O suspeito do crime, ex-companheiro da vítima, fez um disparo de arma de fogo que atingiu a cabeça da jovem. De acordo com relatos, o filho do casal, uma criança de apenas dois anos, teria presenciado toda a cena.
O homem teria parado em frente a residência da vítima com uma motocicleta preta, feito os disparos, e fugido em seguida. A jovem de 22 anos morreu no local.
O suspeito começou a prestar o depoimento por volta das 12h desta segunda-feira (30). Até a publicação desta matéria, ele ainda não havia terminado o procedimento na Delegacia.
De acordo com o delegado que atendeu a ocorrência, Davi Matos Pinheiro, o casal já tinha histórico de violência doméstica. Agora, a investigação segue com a DPCAMI – Delegacia de Polícia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso.

 

Créditos: Jornal Extra SC

MAIS NOTÍCIAS
COMENTÁRIOS
Carregando...
×