Contra mortes no trânsito, fiscalização pune cada vez mais motoristas embriagados em SC

Em Santa Catarina, o feirado de Carnaval marcou um novo número de motoristas embriagados nas estradas catarinenses. Mais de mil motoristas bêbados foram flagrados em rodovias estaduais e federais em operações de fiscalização.

Infelizmente, vem sendo comum e rotineiro nas rodovias e estradas catarinenses, que detém desde o ano passado o status de líder nas multas por embriaguez ao volante em todo o Brasil.

Dirigir embriagado é classificado como infração gravíssima, com instauração de processo administrativo para a suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) por 12 meses, além de multa no valor de R$ 2.934,70. Se houver reincidência no período de um ano, o valor é dobrado e a CNH é cassada.

Bafômetro
A recusa do teste do bafômetro constitui infração. A embriaguez ao volante também pode ser constatada pelo policial, observando a capacidade psicomotora do condutor como, por exemplo, o andar cambaleante, olhos vermelhos, hálito etílico e fala desconexa. Se no teste de embriaguez, o etilômetro marcar mais que 0,33 mg/l, o condutor será conduzido à Delegacia.

Uma produção do departamento de jornalismo da Rádio Fraiburgo.
Repórteres: Alan Moreira/ Flávio Furtado/ Genauro Stefanski/ Rodrigo Mattos 

MAIS NOTÍCIAS
COMENTÁRIOS
Carregando...
×